Hoje em dia, 30% das pessoas do planeta Terra não enxergam mais a Via Láctea quando olham para o céu noturno. Na Europa e nos Estados Unidos, essa fração é de 60% e 80%. Isso acontece também no Brasil, especialmente nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro, e a causa é a poluição luminosa. 


Nesta palestra, vamos dialogar sobre como superar essa limitação, mesmo de dentro de uma cidade grande. Vamos aprender como é possível fazer uso de uma câmara digital do tipo DSLR para observação noturna, e soluções de hardware e software que para enxergar a Via Láctea e outros elementos espaciais. Ao final, demonstraremos o desempenho de um sistema desenvolvido pelo palestrante, aplicado a estrelas variáveis na constelação do Cruzeiro do Sul. Com Francisco José Jablonski, Doutor em Ciências pela USP e Pesquisador Titular do INPE. 


Francisco José Jablonski - Pesquisador Titular do INPE. Possui graduação em Física pela Universidade Federal do Paraná (1975), mestrado em Astronomia pela Universidade de São Paulo (1981) e doutorado em Ciências pela Universidade de São Paulo (1989). Atualmente é pesquisador do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. Tem experiência na área de Astronomia, com ênfase em Astrofísica Estelar e instrumentação astronômica, atuando principalmente nos seguintes temas: variáveis cataclísmicas, fotometria óptica e infravermelha, estrelas binárias e exoplanetas.

CIÊNCIA NO PARQUE 
ASTRONOMIA PARA TODOS E OBSERVAÇÃO DE ASTROS 
ASTROFOTOGRAFIA NA CIDADE 
Data: 13/06 | Quinta-feira
Horário: 19h30
Local: Telão de Cinema ao Ar Livre 
Tradução em LIBRAS por Rosemary Ribeiro
Parcerias: INPE 
Entrada franca


Endereço:
Rua Prudente M Moraes, 302
Vila Adyana São José dos Campos
Cep: 12243-750
Ver Mapa
Telefone:
(12) 3911-7090

E-mail:
[email protected]

Horário de Funcionamneto:
das 05h às 22h

Redes Sociais: